fbpx

A arte de ser humano no atendimento terapêutico

“Ao atender os estranhos que chegam para serem ajudados, tenho três papéis dourados. O primeiro é que não excluirei minha Criança, ou a parte humana de mim mesmo das minhas transações com meus clientes. O segundo é que não tratarei ninguém que eu não goste porque não acredito que fazendo isto estaria sendo sincero com o cliente ou comigo mesmo. O terceiro é que eu não direi mentiras ou falsidades para clientes (parte humana). Eles entregam a mim sua profunda confiança, então eu os estaria sabotando no meu lidar com eles, caso mentisse”.

(Texto do analista transacional Tony White no artigo PSICOTERAPIA E A ARTE DE SER HUMANO. Transactional Analysis Journal – Volume 28 – Número 4 – Outubro/1998 pg.321 – 329. Tradução de Maku Almeida. Imagem: Tim Mossholder )

+5
avataravataravataravataravatar

1 comentário em “A arte de ser humano no atendimento terapêutico”

Deixe uma resposta

Rolar para cima