fbpx

A cura pela integração do Pai e da Criança pelo Adulto

“O contrato de mudança visa reparar a disfunção na dinâmica da comunicação intrapsíquica. Meu objetivo é ajudar o cliente a se curar, restabelecendo a aliança interna entre os Estados do Ego do Pai e da Criança com a colaboração ativa do Adulto. Durante este trabalho, o Estado do Ego parental desenvolve a capacidade de reconhecer a Criança, identificar as necessidades da Criança e satisfazer essas necessidades, a fim de cumprir a função que Winnicott (1971) chamou de ‘maternidade boa o suficiente’ (p. 10). A restauração desta função permitirá que a Criança se manifeste e cresça em segurança e confiança. A mudança vem com a liberação da energia psíquica investida no impasse e a resolução do conflito do Script”.

(Texto da analista transacional Christine de Saint-Pierre no artigo The Contract for Change: An Original Model, publicado em 2004 no Transactional Analysis Journal, 34:1, 46-51. Tradução Maku de Almeida. Imagem: pixabay)

+2
avataravatar

Deixe uma resposta

Rolar para cima